VAP

Viajantes Anglófonos em Portugal - Séculos XVIII e XIX

Visualização de registo

< Voltar ao resultado | Nova pesquisa >

GORDON, Helen Cameron
My Tour in Portugal

Inglaterra, 1932
Londres
Língua: Inglês
 Edição 
Local de edição:Londres
Nome do editor:Methuen
 Notas e informações 
 Referência 
Cota:H.G. 14009 V. / L. 37219 V. B. 5
 Autor 
Autor:GORDON, Helen Cameron
Elementos identificação:Lady Russel

 Notas gerais 

RESUMO CAPÍTULOS

* Cap. I - Porto
A autora inicia a sua viagem pela cidade do Porto descrevendo a cidade e os seus monumentos, as igrejas e o povo. Destaca os poveiros, pescadores e a paisagem citadina. ........................................ p. I

* Cap. II - The English
A autora refere a comunidade inglesa no Porto, atribuindo particular destaque à Feitoria, ao seu papel ao longo da história e à sua função actual na sociedade. Faz uma apreciação da arquitectura daquele edifício e da sua decoração de interiores. Faz referência ao cemitério inglês e à religião trazida para Portugal, bem como Rua dos Ingleses, cujo nome foi alterado para R. Infante Afonso Henriques, com a qual termina o capítulo. ........................................................................................................................ p. 13

* Cap. III - Caldas das Taypas and Guimarães
A autora visita estas duas localidades. Neste capítulo, faz referência à língua e gastronomia portuguesas, referindo a variedade da última, especialmente na fruta. Contudo, não é muito apreciadora. Visita o Museu de Guimarães e faz uma descrição, muito completa, da sua arquitectura e das obras de arte em exposição. Refere a História da localidade de Guimarães, berço de Portugal e cidade de um grande herói português, Afonso Henriques. ...................................................................................... p. 29

* Cap. IV - Braga, Capital of Minho
A autora visita a cidade de Braga. Descreve a cidade, referindo os seus monumentos e igrejas. ... p. 43

* Cap. V - Festas
A autora assiste a uma recepção privada em Santa Luzia (Viana do Castelo) e assiste às festas da Agonia, "cerimónia" típica das populações rurais. A autora faz uma descrição dos costumes, trajes tradicionais, música, danças e cantares. Assiste também à procissão da Nossa Senhora da Agonia, descrevendo, mais uma vez, os costumes, os cantares e todo o ambiente da procissão. ............... p. 51

* Cap. VI - Oporto again
A autora regressa ao Porto. Continua a sua descrição da cidade e dos seus monumentos, evidenciando a Torre dos Clérigos que visita. .......................................................................................................... p. 64

* Cap. VII - A Pair of Devils
Este capítulo faz referência a uma lenda do povo do Minho que se refere a duas estátuas denominadas "Diabo e Diaba". ................................................................................................................................... p. 79

* Cap. VIII - Vintage
A autora afirma ter passado três meses e meio na região de Entre Douro e Minho. Vai assistir a uma vindima e faz uma descrição dos trabalhos executados por homens e mulheres, cujas tarefas estão habilmente divididas. Descreve com muito pormenor os homens a pisar uva, um ritual importante dotado de uma beleza própria. Apesar dos árduos trabalhos, à noite, realizavam-se festas com músicas e danças tradicionais. ............................................................................................................................ p. 92

* Cap. IX - Douro
A viagem para o Porto foi efectuada pelo rio Douro. A autora descreve-o e às 'lodges' dos ingleses construídas ao longo do rio, que a autora visita e descreve. ........................................................... p. 100

* Cap. X - In Beira Alta
A autora visita a cidade de Viseu, descrevendo a cidade, os seus monumentos e igrejas. Visita o Museu Grão Vasco, referindo as obras de arte em exposição, assim como a sua arquitectura exterior. ............................................................................................................................................................ p. 108

* Cap. XI - A Week-end at Bussaco
A autora passa um fim-de-semana no Bussaco. Descreve o Palácio Hotel da Mata, assim como a esplendorosa paisagem do local. ...................................................................................................... p. 116

* Cap. XII - A seat of learning
A autora visita a cidade de Coimbra e descreve a cidade, mencionando os seus monumentos, igrejas, universidade, museus e palácios. ..................................................................................................... p. 128

* Cap. XIII - The Rainha Santa Isabel
A autora dedica este capítulo à história da Rainha Santa Isabel, fazendo referência ao milagre das rosas. ................................................................................................................................................ p. 139

* Cap. XIV - Immortal lovers
Este capítulo relembra a história do amor imortal de Inês de Castro por D. Pedro I, desde a paixão inicial à história do amor proíbido e à união imortal. ....................................................................................... p. 145

* Cap. XV - Beautiful flower of Evil
Um capítulo essencialmente dedicado à história de Maria Teles que foi assassinada por D. João. ............................................................................................................................................................ p. 159

* Cap. XVI - Olives and Cork
A passagem de regiões do Norte onde predominam as oliveiras e o Sul (Alentejo) onde predomina a cortiça. A autora visita a localidade de Alvito e descreve o seu castelo. Refere ainda as técnicas de elaborar a cortiça. ............................................................................................................................. p. 174

* Cap. XVII - Romantic Evora
A autora, antes de ir para Lisboa, permaneceu um fim-de-semana em Évora. Descreve a cidade, os seus monumentos e igrejas. ............................................................................................................. p. 181

* Cap. XVIII - The Portuguese Riviera
A autora visita o Monte Estoril e Cascais. Refere o ar saudável de características terapêuticas. Descreve estas duas localidades. .................................................................................................... p. 194

* Cap. XIX - The Magic sword of Nun'Alvares
Este capítulo narra a história de Nun'Alvares desde a sua infância até ao seu apogeu de "guerreiro", fazendo apologia ao mito da sua espada mágica. ............................................................................ p. 202

* Cap. XX - Batalha
A autora faz referência ao assassinato do Conde de Andeiro. Descreve o Mosteiro da Batalha, a cidade de Leiria e a paisagem circundante, evidenciando o Pinhal "plantado" por D. Dinis. ........................ p. 217

* Cap. XXI - The family of Dom João I and Dona Filippa
Um capítulo essencialmente histórico, fazendo uma abordagem da vida de D. João I e D. Filipa. .... p. 224

* Cap. XXII - Felipe of all the Spains and the Portuguese Escorial
Um capítulo histórico sobre a proclamação de Felipe II em 1580. Descreve monumentos, evidenciando o Convento dos Capuchos, de Sintra e de Mafra. ............................................................................... p. 236

* Cap. XXIII - Lisboa Manoelina
A autora visita a cidade de Lisboa e descreve a cidade, os monumentos e as igrejas. O estilo arquitectónico predominante será, de acordo com a autora, o estilo manuelino. Ao referir os monumentos faz sempre uma introdução histórica. ......................................................................... p. 245

* Cap. XXIV - Lisboa Pombalina, Miguelista and Modern
A autora descreve a cidade de Lisboa, fazendo referência ao terramoto de 1755 e à reconstrução liderada por Marquês de Pombal. ...................................................................................................... p. 257

* Cap. XXV - The light side
A autora vai revelar o lado mais festivo da cidade de Lisboa. Descreve a festa de Carnaval, os teatros, "night-dubs" e a tourada, espectáculo típico português. A autora deixa Portugal e termina o capítulo fazendo agradecimentos. ................................................................................................................. p. 268

Good-bye to Portugal ............................................................................................................... p. 276
Index ....................................................................................................................................... p. 279

 Palavras-chave 

Agricultura
Vindimas; Utensílios [Alentejo];

Alimentação
Canja de galinha; Fruta; Experiência da autora com a cozinha portuguesa; nos hóteis; Refeições;

Arte e Monumentos
Aquário Vasco da Gama [Lisboa]; Arquitectura portuguesa; Capela Anglican – St. James [Porto]; Castelo de S. Jorge [Lisboa]; Castelo do Alvito; Catedral de Braga; Convento da Serra do Pilar do Porto; Convento de Santa Clara [Amarante]; Convento de Santa Clara [Coimbra]; Convento de Santa Clara [Vila do Conde]; Convento de S. Domingos de Guimarães; Convento de S. Francisco [Porto]; Estátua de Afonso Henriques [Guimarães]; Estátua de Camões [Lisboa]; Estátua de Eça de Queirós [Lisboa]; Igreja da Conceição Velha [Lisboa]; Igreja da Nossa Senhora da Agonia [Viana do Castelo]; Igreja da Nossa Senhora da Encarnação [Lisboa]; Igreja de Arouca; Igreja de Bom Jesus do Monte [Braga]; Igreja de Bom Jesus de Bouças [Matosinhos]; Igreja de Nossa Senhora da Serra do Pilar [Vila Nova de Gaia]; Igreja de Nossa Senhora de Oliveira [Porto]; Igreja de Santa Cruz [Coimbra]; Igreja de Santa Maria [Lisboa]; Igreja de S. Francisco [Guimarães]; Igreja de São João [Vila do Conde]; Igreja do Carmo [Lisboa]; Igrejas [Lisboa]; Monumento ao Infante D. Henrique; Mosteiro da Batalha; Museu Grão Vasco [Viseu]; Museus [Coimbra]; Museus [Guimarães]; Palácio Cadaval [Évora]; Palácio de Cristal [Porto]; Palácio Episcopal de Coimbra; Ponte de D. Luís [Porto]; Portal de S. Tiago [Coimbra]; Sé do Porto; Sé Nova e Sé Velha de Coimbra; Torre de Belém [Lisboa]; Torre dos Clérigos [Porto]; Edifícios públicos - Universidade de Coimbra;

Clima
Chuva; Frio e nevoeiro; Outono; Sol e vento;

Costumes
Carnaval; Despedida / elogios; Ditados populares; Elogios; Festas; Pontualidade; Procissão; Vestuário – Santa Luzia;

Folclore
Canções;

Geografia
Regiões - Estremadura e Alentejo;

História de Portugal
Afonso Henriques; Alexandre Herculano (carreira como historiador); Casa de Aviz; Casa de Bragança – Panteão Nacional; Descobrimentos portugueses; D. João I; D. João I, D. Filipa e a “Ínclita geração”; D. Pedro e D. Inês; Filipe II e o seu reinado; Invasões francesas – captura da cidade do Porto; Invasões francesas – Guerra Peninsular; Junot, invasões francesas e suas consequências; Reinado de D. Dinis; Vasco da Gama e a sua viagem;

História de Portugal - Personagens
Afonso Henriques; Afonso IV; Conde Andeiro; Fernando I; Filipe II de Espanha - “Felipe of all the Spains and the Portuguese Escorial”; D. Dinis (Rei de Portugal); D. João; D. João I; D. João I e D. Filipa de Lencastre - “The family of Dom João I and Dona Filippa”; D. João II; D. João III; D. João IV; D. João V; D. Pedro; D. Pedro I e D. Inês de Castro - “Immortal lovers”; D. Beatriz; D. Constança, D. Filipa; D. Leonor Teles - “Beautiful flower of evil”; D. Maria Teles; Inês de Castro; Infanta D. Beatriz; Infante D. Fernando – “ínclita geração”; Infante D. Henrique; Juan I; Manuel I; Manuel II – D. Manuel de Bragança; Marquês de Pombal; Maria da Fonte; Nuno Álvares Pereira; Pedro Álvares Cabral; Rainha Santa Isabel - “The Rainha Santa Isabel”;

Ilustrações


Ingleses
Consulado britânico [Porto]; Feitoria inglesa [Porto]; Lazer dos ingleses [Porto]; Mercadores britânicos [Porto / Vila Nova de Gaia];

Jardins
Jardim botânico [Lisboa];

Lendas
“A Pair of Devils”; “The magic sword of Nun’Alvares”;

Língua
Portuguesa;

Literatura
Almeida Garrett; Carlos Malheiro Dias; Júlio (Dramaturgo); Júlio Dinis; Eça de Queirós;

Meios de transporte
Transportes públicos [Porto];

Paisagem
Portuguesa;

Porto
Cemitério; Mercado;

Povoações
Braga; Bussaco; Coimbra; Estoril / Cascais; Cascais; Évora; Guimarães; Leça da Palmeira; Lisboa; Mafra; Porto; São Romão Briteiros; Tomar;

Profissões
Peixeira; Pescadores; Taxista;

Terramoto de 1755
Descrição do acontecimento;

Tourada
Descrição do evento;

 

< Voltar ao resultado | Nova pesquisa >

 

 

 

^ Topo
© CETAPS, 2017
Avenida de Berna, 26-C, 1069-061 Lisboa